Filipa Cruz: «Em termos poéticos, a minha produção é expressão, é intensidade, é visceral, é impacto do Mundo no Corpo e é pictórica.»

Filipa Cruz, natural de Viseu, veio viver para os Açores aos cinco anos e garante que toda a sua construção enquanto pessoa e artista está marcada pelo tempo, pelo clima,…

Continue ReadingFilipa Cruz: «Em termos poéticos, a minha produção é expressão, é intensidade, é visceral, é impacto do Mundo no Corpo e é pictórica.»

Júlio Tavares Oliveira: «A poesia vai sublimando e combatendo os dias. Não os substitui, mas de certa forma os redime»

Júlio Tavares Oliveira lança o seu mais recente livro de poesia "NOMES", no dia 26 de Junho às 19:00 h, em directo no Facebook da Agenda Açores e da Letras…

Continue ReadingJúlio Tavares Oliveira: «A poesia vai sublimando e combatendo os dias. Não os substitui, mas de certa forma os redime»

Alexandre Borges: «A poesia deve reclamar de volta o papel de sedução, de comunicação imediata com o seu auditório»

A Agenda Açores entrevistou Alexandre Borges, conhecido pelo seu trabalho como escritor de livros de diversas temáticas, mas também como cronista, crítico de cinema, argumentista e produtor. Lançou recentemente o…

Continue ReadingAlexandre Borges: «A poesia deve reclamar de volta o papel de sedução, de comunicação imediata com o seu auditório»