Publicidade

Atlantiprotao
Atlantiprotao
BASE_horz_cover

A carregar Eventos

« All Eventos

São Miguel: Festival Prolífica 2024

Fevereiro 23 | 18:30 - Fevereiro 25 | 18:30

O Festival Prolífica está de volta, com um programa repleto de música composta por mulheres compositoras que trazem o arquipélago no ADN, onde se incluem concertos, debates e
oficinas.
As compositoras em destaque são Ângela da Ponte, que apresentará uma instalação musical composta especificamente para este evento, e Katerina L ́dokova, que poderemos ouvir, em quarteto, depois de um período de residência na ilha de São Miguel.
Dedicamos também especial atenção, nesta edição, ao potencial interventivo da música e unimos esforços com a UMAR Açores para apresentar a cena operática “Ai tu é que és o meu rapaz”, da compositora Sara Ross. Versando sobre o assunto da violência sobre as mulheres, esta ópera será interpretada pelo Quarteto Contratempus (Porto) e seguida de uma conversa entre público, artistas e uma especialista pertencente à Umar. A temática será ainda abordada na conferência “Mulheres e Música” pela compositora/investigadora Teresa Gentil, que analisará canções sobre violência sexual.
A completar o cartaz teremos os concertos da pianista Diana Botelho Vieira, das cantautoras Sara Cruz e Marianna e a oficina para famílias dinamizada por Ana Paula Andrade.
Finalmente, iremos realizar actividades em algumas das escolas do concelho da Ribeira Grande, graças ao apoio do município.

A entrada é livre.

 

Programa:

 

23 de Fevereiro

18h30 – Sessão de abertura e inauguração de Magnetic Fields, instalação de Ângela da Ponte (compositora em destaque), co-encomenda do Festival Prolífica e Arquipélago CAC.

19h00 – Conferência e conversa Mulheres e música, com moderação de Joana Amen (parceria IMPRÓPRIA).

Ângela da Ponte: Concursos dedicados a mulheres compositoras – necessários?

Teresa Gentil (FCSH, Inet-md): Canções sobre violência sexual – Uma análise das canções “Vestido” de Rita Redshoes e “Medusa” de Capicua

 

24 de Fevereiro

16h00Ai, tu é que és o meu rapaz (cena operática), de Sara Ross. Interpretação: Quarteto Contratempus (Porto).

Sinopse:
Ai, tu é que és o meu rapaz é uma peça que lê as palavras de violência redigidas num caso recente, conhecido de todos, e que descrevem, argumentam e justificam vários actos de agressão contra uma mulher que comete adultério. Aquelas palavras são incrédulas, sem sequer falar dos actos. Mas as palavras interessam e não se apagam. Nesta ‘cena operática’, a música acaba por ser uma tela de suporte que se desenrola, oprimida, ansiosa, nervosa.
Espectáculo seguido de conversa com artistas em parceria com a UMAR.

Duração total: 60 min.

18h00 – Sara Cruz a solo (temas do novo disco, a sair em 2024).

18h30 – Marianna a solo.

 

25 de Fevereiro

11h00 – Oficina para famílias orientada por Ana Paula Andrade.

16h00 – #Women’s.Music.Also.Matter:

Diana Botelho Vieira, piano

Recital com obras de Ana Paula Andrade, Ângela da Ponte, Constança Capdeville e Teresa Gentil

Participação especial de Catarina Medeiros: coreografia e interpretação (dança).

17h30 – Concerto Mova Dreva, de Katerina L’dokova (cantautora em destaque e em residência), que contará com:

Katerina L’dokova: voz, piano e composição

João Moreira: trompete

João Fragoso: contrabaixo

Samuel Dias: bateria.

Mais eventos na ilha de São Miguel, aqui!

Local

São Miguel – Arquipélago – Centro de Artes Contemporâneas
São Miguel - Arquipélago - Centro de Artes Contemporâneas
Rua Adolfo Coutinho de Medeiros, s/n, Ribeira Grande 9600-516
+ Mapa do Google
Phone
296 470 130
View Local Website
Publicidade

You cannot copy content of this page