Publicidade

BASE_horz_cover
BASE_horz_cover
BASE_horz_cover

A carregar Eventos

« Todos os Eventos

Exposição “No futuro também se usavam pincéis” de Margarida Andrade

22 22+00:00 Janeiro, 2023 @ 10:00 - 18:00

O Arquipélago – Centro de Artes Contemporâneas inaugura, dia 24 de Setembro, a exposição ‘No futuro também se usavam pincéis’, de Margarida Andrade.
Margarida Andrade, jovem artista açoriana, transporta-nos numa viagem que construiu a partir dos Açores sobre a possibilidade de uma 10.ª ilha e de uma civilização que a habita. É uma ficção que a artista constrói através de peças de cerâmica, literatura, achados e desenhos e é também uma possibilidade de imaginarmos um futuro ou um passado que está para além do nosso entendimento na exposição “No futuro também se usavam pincéis”.
No âmbito do projecto, Margarida Andrade escreveu A Décima Ilha, livro que pretende alertar para o eminente perigo que as alterações climáticas representam quando associadas à (in)actividade humana e que será lançado no dia da inauguração da exposição.
𝘕𝘰 𝘧𝘶𝘵𝘶𝘳𝘰 𝘵𝘢𝘮𝘣𝘦́𝘮 𝘴𝘦 𝘶𝘴𝘢𝘷𝘢𝘮 𝘱𝘪𝘯𝘤𝘦́𝘪𝘴 𝘲𝘶𝘦𝘳 𝘵𝘳𝘢𝘻𝘦𝘳 𝘦𝘴𝘵𝘦 𝘮𝘶𝘯𝘥𝘰 𝘱𝘢𝘳𝘢 𝘭𝘢́ 𝘥𝘰 𝘢𝘱𝘰𝘤𝘢𝘭𝘪𝘱𝘴𝘦. 𝘘𝘶𝘦𝘳 𝘢𝘤𝘳𝘦𝘥𝘪𝘵𝘢𝘳 𝘲𝘶𝘦, 𝘢𝘱𝘦𝘴𝘢𝘳 𝘥𝘰 𝘧𝘪𝘮 𝘥𝘰 𝘮𝘶𝘯𝘥𝘰 𝘴𝘦𝘳 𝘫𝘢́ 𝘪𝘯𝘦𝘷𝘪𝘵𝘢́𝘷𝘦𝘭, 𝘩𝘢𝘷𝘦𝘳𝘢́ 𝘶𝘮 𝘰𝘶𝘵𝘳𝘰 𝘢̀ 𝘯𝘰𝘴𝘴𝘢 𝘦𝘴𝘱𝘦𝘳𝘢, 𝘥𝘰 𝘰𝘶𝘵𝘳𝘰 𝘭𝘢𝘥𝘰. 𝘈𝘴 𝘱𝘦𝘤̧𝘢𝘴 𝘤𝘳𝘪𝘢𝘥𝘢𝘴 𝘥𝘦 𝘧𝘰𝘳𝘮𝘢 𝘲𝘶𝘢𝘴𝘦 𝘤𝘰𝘮𝘱𝘶𝘭𝘴𝘪𝘷𝘢 𝘴𝘦𝘳𝘷𝘦𝘮 𝘥𝘦 𝘦𝘴𝘤𝘢𝘱𝘦, 𝘥𝘦 𝘣𝘭𝘰𝘲𝘶𝘦𝘪𝘰, 𝘦𝘷𝘪𝘵𝘢𝘯𝘥𝘰 𝘢 𝘤𝘳𝘪𝘢𝘤̧𝘢̃𝘰 𝘥𝘦 𝘰𝘶𝘵𝘳𝘰𝘴 𝘤𝘦𝘯𝘢́𝘳𝘪𝘰𝘴 𝘮𝘦𝘯𝘰𝘴 𝘤𝘰́𝘮𝘰𝘥𝘰𝘴. – Margarida Andrade.
Margarida Andrade
Nasceu na ilha de São Miguel, em 1996.
Aos dezoito anos, seguiu rumo a Lisboa para estudar Pintura na Faculdade de Belas Artes, onde teve a primeira exposição individual, Ensaio para um Jardim (2016), na Galeria 78/80, o que lhe proporcionou outras exposições colectivas em Lisboa, Cascais, Viana do Castelo e Algarve.
Fora de Portugal, foi seleccionada para representar Portugal no Art Camp em Andorra (2016) e Malta (2017), ambos organizados pela UNESCO.
De volta aos Açores, foi uma das artistas seleccionadas no Concurso de Artistas Criadores do Festival Walk&Talk (2017), apresentando a exposição individual O mar torna o horizonte numa miragem, com curadoria de Marta Espiridião, na galeria Arco 8, em Ponta Delgada.
Em 2019, expôs na Sociedade Nacional de Belas-Artes e venceu, em conjunto com outros artistas, os Prémios CAT apresentados na Casa das Artes de Tavira (Algarve).
Depois de concluir o mestrado em Artes Visuales y Educación pela Facultat de Belles Arts da Universitat de Barcelona, trabalhou nos Serviços Educativos do Centro de Arqueologia de Lisboa por um ano.
Actualmente é coordenadora da Plataforma Itinerante de Integração Sócio-cultural na CRESAÇOR – Cooperativa de Economia Solidária em Ponta Delgada (Açores).
Em paralelo, desenvolve o projecto artístico No futuro também se usavam pincéis, onde pretende alertar para o eminente perigo que as alterações climáticas representam quando associadas à (in)actividade humana.

Mais eventos na ilha de São Miguel, aqui!

Partilhe

Detalhes

Data:
22 22+00:00 Janeiro, 2023
Hora:
10:00 - 18:00
Categorias de Evento:
,
Etiquetas de Evento:
, , , , , ,

Local

São Miguel – Arquipélago – Centro de Artes Contemporâneas
Rua Adolfo Coutinho de Medeiros, s/n
Ribeira Grande, 9600-516
+ Mapa do Google
Telefone:
296 470 130
View Local Website
Publicidade
BASE_horz_cover
BASE_horz_cover
BASE_horz_cover
BASE_horz_cover